Escadas exteriores: um guia para escolher a ideal para seu projecto

طلب تسعيرة

رقم غير صحيح. الرجاء التدقيق على المقدمة الدولية ورقم الهاتف
بالضغط على 'ارسال' أؤكد أنني اطلعت على سياسة الخصوصية ووافقت على معالجة المعلومات السابقة للحصول على طلبي.
privacy@homify.comتنبية: يمكنكم الرجوع عن هذه الموافقة في أي وقت عبر ارسال بريد الكتروني إلى

Escadas exteriores: um guia para escolher a ideal para seu projecto

Ida Gaspar – homify Ida Gaspar – homify
 منازل تنفيذ Jesus Correia Arquitecto
Loading admin actions …

As escadas exteriores da sua casa estão em mau estado e restaurá-las é uma das prioridades para os próximos meses? Está a construir uma moradia e precisa de conselhos para se decidir no tipo de escadas que quer?

De facto, quando planeamos a construção ou reconstrução de escadas exteriores para uma casa, surge sempre esta questão: que tipo de escada escolher? Na verdade, existem muitos tipos de escadas, desde as mais contemporâneas às mais clássicas e tradicionais. Além disso, precisa de escolher um profissional qualificado, decidir sobre o formato e o material mais adequado. Há, de facto, uma série de detalhes que precisa de ponderar, pois as escadas não são um mero investimento decorativo.

Neste sentido, a homify responde às suas questões no artigo de hoje. Siga o nosso guia e fique perito na matéria! 👇

1 – Que critérios devo ter em conta para escolher as minhas escadas exteriores?

Mesmo que saibamos que a estética costuma prevalecer antes da razão, partilhamos aqui umas algumas ideias-chave para escolher as melhores escadarias:

  • Avaliar as suas necessidades - Escada decorativa, escada de serviço na empena da moradia, escada de fachada para uma casa alta, escadas que levam ao terraço ou ao jardim… Enfim, as especificidades técnicas e as finalidades de cada escada diferem, de acordo com as suas necessidades: entre alguns degraus largos e retos e uma escada em espiral, entre umas escadas de serviço para uso ocasional e uma escada externa que leva à casa principal, entre uma escadaria com 30 degraus e uma escadaria de 3 degraus… Há tantas possibilidades que devem ser analisadas antes de começar a projetá-las!
  • Avaliar as possibilidades do projeto – Entre as escadas já pré-fabricadas e as escadas construídas de raiz, as tarefas não são as mesmas! Dependerá da configuração das escadarias, da sua localização e do seu uso. Geralmente, os modelos de escadas já pré-fabricados são em metal ou em madeira, e não requerem muitas obras. Ao contrário das escadas exteriores em pedra e em betão que são mais complexas, já que são construídas de raiz.
  • Ter em conta as limitações – É indispensável ter em conta os seguintes aspetos quando se escolhe umas escadas para o exterior:

- Anti-derrapante: para evitar deslizes e quedas graves, nomeadamente em tempo de chuva;

- Resistente às condições climáticas adversas: é importante que suportem o mau tempo, sem perder as suas qualidades estéticas e a sua aparência original;

- Visível: devem ser iluminadas, de forma a que sejam seguras em ambientes noturnos.

2 – Quais são os materiais mais apropriados para as escadas exteriores?

Há quatro materiais que predominam no mercado das escadas exteriores: pedra, betão, madeira e metal. Cada uma tem as suas especificidades, vantagens e desvantagens.

📍 Critérios de escolha predominantes: que sejam de fácil manutenção, porque estão sujeitas às várias condições climáticas e necessitam de limpeza. Mas, claro, o lado decorativo acaba por influenciar muito.

Apresentamos de seguida os diferentes tipos de materiais:

Escada em betão – O principal desgaste do betão está ligado à passagem do tempo: os degraus tornam-se lisos e escorregadios, ou podem quebrar e, portanto, serem perigosos. Do ponto de vista positivo, o material é sólido e estável, não requer muita manutenção. As escadas podem ser projetadas em bruto ou cobertas com pedras, azulejos ou outro revestimento. O betão resiste às variações climáticas. Mais tarde, pode renovar as escadas de betão aplicando um cimento, em todas as partes danificadas. Se necessário, pode aproveitar a oportunidade para pintar as escadas com uma pintura exterior colorida ou não.

  • Escadas exteriores em pedra – A pedra é um material natural e ultrarresistente… mas nalguns casos pode ser escorregadio, como é o caso do mármore. Para uma escadaria exterior, prefira pedras de quartzo, pois têm propriedades antiderrapantes, tal como o granito não polido. A pedra é um material duro e robusto, com um estilo autêntico e intemporal. Em termos de manutenção, só precisa de remover as ervas daninhas que ficam nas aberturas dos degraus. Pode usar uma máquina de alta pressão para que o processo de limpeza seja mais rápido e eficaz.

  • Escadas em madeira - Deve escolher um tipo de madeira impermeável, por exemplo, madeira vermelha ou exótica. O pinheiro ou o ácer oferecem uma excelente relação qualidade/preço. Mas, para uma escada duradoura, pode escolher madeira de carvalho ou exótica, como teca ou tabebuia. Tal como acontece com as escadas interiores, a madeira confere um ambiente quente e acolhedor. É necessário um tratamento contra as pragas, bem como uma manutenção, pelo menos, duas vezes por ano para alimentá-las e protegê-las do mau tempo. É mais frágil do que os outros materiais e, também, envelhece mais rápido. 
  • Escadas em metal – A escolha das escadas metálicas é, muitas vezes, guiada pelo fator estético nomeadamente para criar um estilo industrial ou contemporâneo. São resistentes às intempéries, mas deve escolher metais que não temem a ferrugem, tal como o aço galvanizado, ou o aço inoxidável. As escadas metálicas são leves e fáceis de projetar, já que são, geralmente, propostas em kit. Para mantê-las bonitas é necessário um tratamento específico, de forma a protegê-las contra a corrosão, bem como uma manutenção regular, para evitar deslizes e quedas. As escadas exteriores em aço galvanizado exigem pouca manutenção, além de serem ideais para aquele efeito de escadas modernas.

3 – Como posso revestir as escadas exteriores?

As escadas exteriores sujam-se facilmente, não só com a chuva, neve ou sapatos sujos, mas também com resíduos naturais: folhas, relva, terra… Mesmo numa nova escadaria, pode ser aconselhável colocar um revestimento complementar, que, além do ponto de vista estético irá dar uma proteção antiderrapante e é uma camada que repele a água do seu material original.

Pintura – O principal critério para escolher a tinta será a sua qualidade antiderrapante. Os comerciantes adicionam partículas de sílica (composto químico dióxido de silício) à solução da pintura.

Azulejo – Práticos e fáceis de manter, os azulejos ou ladrilhos para o exterior também são uma solução estética para cobrir uma escada ou para desenhar um degrau num terreno inclinado.

4 – Como posso ter escadas exteriores mais seguras?

Aqui estão algumas soluções simples para deixar as suas escadas mais seguras:

  • Tiras auto-adesivas – São fáceis de aplicar e protegem-no de possíveis quedas. Colocam-se em degraus planos, lisos e limpos.
  • Verniz antiderrapante – pode ser aplicado em todos os materiais, à exceção do metal.
  • Guarda-corpo - fundamental para a segurança de todos os utilizadores. Pode optar por colocar balaustre (pequenas colunas muito usadas na arquitetura).


Além disso, para marcar as escadas e torná-las visíveis e iluminadas à noite, considere a possibilidade de integrar uma iluminação artificial, diretamente no projeto das suas escadas de exterior.

Dê uma vista de olhos neste artigo, que o inspirará a construir as suas escadas de interiores: 21 escadas que tornariam a sua casa maravilhosa.

 منازل تنفيذ Casas inHAUS

تريد مساعدة في إتمام مشروع بيتك؟
تواصل معنا الآن

إكتشف أفكار لمنازلكم